Posso utilizar Álcool de limpeza ou Cachaça no carro

Devido a greve dos caminhoneiros tem faltado combustível nos postos, com isso enormes filas se formaram tomando horas do dia do motorista. Alguns motoristas apelaram para o álcool doméstico, geralmente usado para limpeza, para abastecer o carro flex ou a etanol.

Pode utilizar álcool de limpeza ou cachaça no carro?

Depende. De acordo com o engenheiro Francisco Nigro, da Sae Brasil, é preciso ficar de olho na graduação discriminada na embalagem do produto. Os vendidos em farmácias, com 92,8% ou 99% (percentual de etanol puro, sendo o restante apenas água), pode sim, já que o etanol vendido na bomba de combustível tem percentual parecido, de 93%. “Esse tipo de álcool é tão puro, que não tem qualquer consequência para o motor do carro”, garante o engenheiro.

Deve-se ter muita atenção no que está escrito na embalagem do produto, pois o álcool mais comum, encontrado em supermercados, possui 54% de álcool e o restante de água, dificultando a vaporização e, por consequência, o funcionamento do motor. Nesse caso, se o motor ligar, ele ficaria ‘engasgando’, danificando os componentes do sistema de injeção. O mesmo vale para o uso de bebidas alcoólicas como a cachaça, que tem quase 50% de álcool.

O álcool com índice superior a 54% só pode ser vendido ao grande público em embalagens de até 50ml, com preço médio R$ 3,50, tornando o litro desse álcool R$ 69,80, o que o torna inviável. Porém algumas pessoas conseguem com distribuidores por preços mais acessíveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *